Museu de Arte Sacra

Image title

As origens - há quase uma década, a então Diocese de Santarém adquiriu a ampla residência, a lado da Catedral de Nossa Senhora da Conceição, que pertencera a Domingos Veloso, o folclórico "Mingote" de saborosas histórias mocorongas. A ideia era reforçar o antigo prédio e transformá-lo em "Barraca permanente" da Festa de Nossa Senhora da Conceição. Contudo, o Bispo Dom Lino Vombömmel preferiu que ali funcionasse o salão Paroquial, muito necessário. A Barraca prosseguiria sendo reconstruída anualmente, até que Deus dispusesse de outra forma.

Ultimadas as obras, os paroquianos da Catedral ganharam uma boa área para recepções e outros eventos. Mas a utilização do espaço para promoções sociais e religiosas não durou muito. Achou Dom Lino que seria ótimo instalar no local o Museu Sacro que faltava. Ali reuniríamos um belo e valioso conjunto de imagens espalhadas por aí, além de objetos litúrgicos como ostensórios, turíbulos e relíquias diversas.

O Pároco da Catedral, Padre Carlos Figueiredo, e seu auxiliar, Padre Sidney Canto, assumiram o compromisso de dar vida ao museu. A inauguração foi marcada para o dia 17 de novembro de 2002, data em que os falecidos Dom Tiago Ryan e o Maestro Wilson Fonseca estariam completando noventa anos. Todavia, faltaram recursos financeiros e a cerimônia de abertura ficou marcada para 22 de junho de 2003, quando se festejaria o 342° aniversário da fundação de Santarém. O ato estaria, também, inserido na programação comemorativa do 1° Centenário de nossa Igreja particular.

O sonho de possuirmos um magnífico Museu Sacro tornou-se possível com a generosa participação de parceiros que, dentro de suas possibilidades, contribuíram para dar maior brilho à cultura mocoronga.

Muitos trabalharam e ainda continuam agindo pra concluir o notável projeto. Entretanto, acho que seria injustiça não destacar o Padre Sidney Canto, jovem, estudioso e idealista, como a alma do empreendimento. A participação dos restauradores Laurimar e Miguel Leal, Leonildo e Lucinato e a comunidade santarena.

Compartilhe esta publicação

Desenvolvido por Cúria Online do Brasil

Top